Add to favourites
News Local and Global in your language
22nd of July 2018

Tecnologia



Facebook promete dar transparência a 'todos os anúncios' publicitários

O Facebook lançou nesta quinta-feira (28) uma nova seção em suas páginas, em todo o mundo, chamada Informações e Anúncios, que apresenta dados publicamente sobre os anúncios promovidos pelos perfis --sejam eles de grande anunciante ou pessoa física.

"Estamos tornando todos os anúncios transparentes", afirmou Sheryl Sandberg, diretora de Operações do Facebook, em entrevista coletiva por vídeo, desde Menlo Park, sede da empresa na Califórnia, para jornalistas em Nova York, Cidade do México e São Paulo.

Segundo ela, a mudança levará a plataforma social e os próprios anunciantes a responderem mais, a prestarem contas pelo conteúdo publicado --dando aos usuários "a capacidade de encontrar coisas que não deveriam estar lá" e provocando a sua revisão e eventual retirada.

Em suma, a nova ferramenta permite que qualquer pessoa, no Facebook, visite uma página e visualize todos os seus anúncios ativos, ou seja, que estão sendo impulsionados na plataforma. Vale não só para a rede, mas para Instagram e Messenger, serviços ligados a ela.

Permite também que as pessoas saibam mais sobre os administradores das páginas, até mesmo a data em que tenham sido feitas alterações de nome, por exemplo. As mudanças foram testadas no Canadá e estendidas ao resto do mundo, a partir desta quinta.

"Nosso objetivo é simples: queremos que as pessoas entendam o que estão vendo", disse Sandberg. O alvo final são os "maus anúncios, de agentes mal-intencionados", que a nova ferramenta facilitará "erradicar" da plataforma.

Questionada, ela admitiu que as mudanças já trouxeram "atrasos" na postagem de publicidade, o que tende a prejudicar os anunciantes, até mesmo os maiores. Sandberg acrescentou porém não acreditar que eles "tenham impacto significativo na receita" do Facebook.

"Mas, sim, há atrasos agora", disse a executiva. "Não gostamos de atrasos no sistema, mas mais revisão manual e mais verificação significam mais atrasos. Nós já divulgamos que iremos aumentar os revisores de 10 mil para 20 mil pessoas. E humanos não revisam como máquinas."

Argumentou ainda: "Parte do custo dos freios e contrapesos que estamos introduzindo no sistema são esses atrasos, e as pessoas precisam entender que será assim. Vamos torná-los mínimos, mas haverá atrasos, conforme tentamos tornar as coisas mais transparentes".

Sandberg relatou também ter ouvido de anunciantes a reclamação de que as mudanças na rede podem expor suas estratégias digitais para os concorrentes. Mas disse não esperar "uma mudança significativa no desejo deles de se engajarem com a plataforma por causa disso".  

Read More




Leave A Comment

More News

Novidades do TecMundo

Folha de S.Paulo - Tec -

Tecnologia.com.pt

Disclaimer and Notice:WorldProNews.com is not the owner of these news or any information published on this site.